Notícias em destaque

PCCV de Nossa Senhora das Dores é aprovado na Câmara Municipal

0

Por unanimidade, o Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos (PCCV) dos servidores de Nossa Senhora das Dores foi aprovado pela Câmara Municipal na noite da segunda, 15. A proposta do Plano foi acatada pelos vereadores da Casa, que contaram com a presença de membros da direção do SINTRASE e da categoria para acompanhar a votação.

Os servidores haviam aprovado a proposta do Plano no final do último mês de março, quando foi apresentada em assembleia pelo SINTRASE. Posteriormente enviada à Câmara, a proposta seguiu para apreciação dos vereadores, tendo sido aprovada na noite da última segunda (15). “A aprovação do PCCV representa uma luta de vários anos dos servidores dorenses. Desde 2010 estamos travando esta briga ao lado da categoria, que vinha cobrando o andamento das negociações sobre a criação e aprovação do Plano”, declarou a diretora do SINTRASE e funcionária do munícipio, Marleide Vieira.

“O Plano é um avanço; um momento histórico para o servidor municipal porque garante direitos e uma carreira mais sólida ao trabalhador”, afirmou. “Quero agradecer aos companheiros que acompanharam a luta, a equipe da gestão atual e os servidores que acreditaram no trabalho do sindicato”, completou a diretora.

De acordo com o documento aprovado, o PCCV de Dores está instituído na qualificação e eficiência do desempenho profissional, visando à valorização do servidor. Entre outros pontos, as carreiras regulamentadas serão organizadas em níveis que estabelecem a progressão funcional vertical (tempo de serviço para enquadramento na classe) e horizontal (titulação, habilitação e nível de escolaridade do servidor, como o Básico, Médio, Superior – Graduação e Pós-Graduação).

O PCCV prevê a integração de todos os servidores do município de diversas áreas, como saúde pública e assistência, gestão governamental e serviços administrativos e segurança pública. Os servidores que já possuem carreira própria não serão enquadrados pelo Plano, como acontece com os professores da rede municipal. “Os atuais integrantes do quadro de servidores, como concursados, estáveis, regulares e habilitados também serão beneficiados com a implementação do PCCV”, ressaltou a diretora, Elma Andrade, que também esteve presente na votação. “Estamos realizados por mais essa conquista aqui em Dores porque ela se estendeu por muitos anos e passou por muitas negociações. Mas agora conseguimos finalizar esta etapa com êxito. Os servidores lotaram a Câmara para acompanhar a sessão e isto deve ser destacado por nós, porque sem o apoio da base fortalecida aqui em Dores o sindicato não conseguiria avançar sozinho”, ressaltou.

O PCCV segue para ser sancionado pelo prefeito, João Marcelo Montarroyos, que tem o prazo de 15 dias para ratificar a proposta. O Plano está previsto para entrar em vigor a partir de janeiro de 2017. “Estaremos prontos para, no início do próximo ano, enfrentarmos uma nova batalha que será a implantação do PCCV de Dores”, finalizou Marleide.

dores 15 de agosto 1 dores 15 de agosto 2

Até dia 19: TJSE realiza acordos com credores sobre precatórios

Previous article

Servidores da Renascer realizam protesto por isonomia de direitos

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.