Dirigentes do SINTRASE cobram soluções sobre férias e consignados de prefeitura de Feira Nova

A direção do SINTRASE esteve na última quinta, 23, em um encontro com o prefeito de Feira Nova, Jose Carlos dos Santos, o “Painho”. A mais nova base municipal filiada ao sindicato pleiteia soluções para problemas que se arrastam desde a gestão anterior, como concessão de férias e empréstimos consignados. Participaram da reunião o presidente do sindicato, Diego Araujo; a diretora administrativa, Elma Andrade; a dirigente da subsede em Dores e região, Marleide Vieira; e o assessor jurídico, Denis Arciere.
Em janeiro deste ano, no primeiro encontro com Painho, o SINTRASE havia sinalizado a preocupação com os empréstimos consignados dos servidores. De acordo com informações levantadas junto a categoria, a prefeitura não estava repassando os pagamentos descontados em folha, causando problemas (débitos em aberto) entre servidores e instituição financeira. “No início do ano, a prefeitura informou que os impasses com os bancos Caixa e Banese estavam resolvidos e que havia, no momento, um diálogo com o Bradesco sobre o tema. Agora, o prefeito nos atualizou e afirmou que todas as questões administrativas sobre consignados, referentes à gestão passada, foram finalizadas”, declarou Diego.
Férias e Pasep – A pauta sobre regularização de férias também foi retomada na reunião. A afirmativa do prefeito é de que pagamentos e concessões foram, enfim, normalizados. No encontro anterior, o assessor jurídico do sindicato havia frisado ao prefeito a importância de “o valor ser pago antes de o servidor gozar as férias, pois o quantitativo refere-se ao descanso remunerado”. De acordo com a prefeitura na reunião desta quinta, a solicitação foi atendida.
“Após os entendimentos do último encontro com Painho, a pauta sobre as férias dos servidores ficou definida e organizada no município”, declarou Marleide. “O servidor que, porventura, encontrar qualquer problema específico sobre seu pagamento/período de férias e também, sobre a liberação do valor referente ao Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), deverá procurar a prefeitura”, acrescentou.
PCCV – Sobre o Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos (PCCV) para o quadro municipal, o SINTRASE enviou ofício nesta semana à prefeitura, solicitando detalhamento sobre quantidade de cargos e faixas salariais da categoria. O intuito é começar a análise para construção da proposta do Plano que será apresentado posteriormente pelo sindicato.

“O PCCV é um mecanismo que define as atribuições específicas e estrutura o quadro de pessoal, permitindo ao servidor uma forma clara e justa de promoção na carreira, além de melhorias salariais, consequentemente”, afirmou Diego. “Por isso, não abrimos mão de lutar em todas as bases que representamos pela construção ou aprimoramento do Plano, porque ele garante direitos e vantagens que poderiam ser retirados em gestões posteriores”, declarou o dirigente. “E em Feira Nova não seria diferente: já estamos iniciando os trabalhos e nos cercando de informações oficiais para discutir a implementação do PCCV do município”, disse o presidente. O sindicato representa atualmente cerca de 180 servidores municipais.

 

Deixe uma resposta

Nome *
Email *
Site