Notícias em destaque

NOTA DE REPÚDIO SINTRASE – ATRASO DO PAGAMENTO DOS SALÁRIOS

0

O SINTRASE repudia a atitude do Estado em não honrar, conforme previsto, o pagamento dos servidores lotados na Secretaria de Estado da Educação (Seed) até o último dia do mês. Em nota divulgada na imprensa, a Seed informou que somente os professores receberiam o salário referente a julho até o dia 30, e que o pagamento dos demais servidores seria anunciado depois, o que comprometeu mais uma vez o orçamento de uma categoria que já recebe o pior vencimento da Administração Pública Estadual.

Não é de hoje que os servidores não docentes vêm passando por situações complicadas junto ao Governo do Estado, principalmente no que tange aos compromissos financeiros.

Desde que perceberam o bloqueio dos salários de junho e o corte de ponto no início do mês passado, os servidores encontram-se em condições críticas. Esta situação não foi resolvida até o momento, mesmo com a insistência do sindicato com a retomada do diálogo, o que torna o atraso no pagamento deste mês um verdadeiro descaso e falta de compromisso com o servidor.

Além deste novo impasse, o SINTRASE aproveita para relembrar que o servidor público em Sergipe vem sendo desrespeitado há meses, sendo obrigado a conviver com contínuos parcelamentos de salários, mudanças de data de pagamento de vencimentos e atrasos.

O sindicato lamenta o transtorno causado à categoria, que só vem agravar a situação financeira de pais e mães de família que recebem valores irrisórios. O SINTRASE informa que está desde o bloqueio e corte de ponto (no começo de julho), tomando as devidas providências para sanar os problemas causados aos servidores, tentando reestabelecer o canal de negociação junto ao Governo do Estado para que haja uma solução breve para as questões apresentadas.

nota

Assembleia da Fundação Renascer acontece nesta segunda, 1º

Previous article

Servidores da Seed querem solução para atraso salarial

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.