Notícias em destaque

COMUNICADO – PARTICIPAÇÃO DO SINTRASE NA GREVE DO MOVIMENTO DOS TRABALHADORES DO SERVIÇO PÚBLICO

0

O SINTRASE é uma das entidades participantes do Movimento dos Trabalhadores do Serviço Público Estadual, que inclui duas centrais sindicais, CUT e CTB, e mais de 20 sindicatos, que lutam conjuntamente pelo cumprimento de várias pautas, como a implantação de Planos de Cargos, Carreiras e Vencimentos (PCCVs) e subsídios; reposição inflacionária, piso dos professores; contra o parcelamento dos salários dos servidores, entre outros pontos.

Como já ocorrido em situação semelhante, algumas categorias pertencentes ao Movimento devem paralisar suas atividades nos próximos dias 22, 23 e 24; porém, os servidores representados pelo SINTRASE não vão aderir à esta greve. Mesmo assim, a categoria está convocada para participar dos atos, que acontecem na terça (22) e na quinta (24). “Estamos num período crítico, no qual encerramos uma greve de mais de 60 dias com o propósito de resguardar um novo prazo (30 a 40 dias) para que o Governo apresente medidas concretas sobre o PCCV. Não seria prudente, neste momento, aderir a uma nova greve, já que estamos em processo de negociação”, informou o coordenador do sindicato, Diego Araujo. Na terça, dia 22, um ato ocorrerá na porta da Sefaz, com a realização, em seguida, de uma caminhada em direção ao Hospital de Urgência de Sergipe (HUSE), a partir das 7h. Já na quarta, dia 24, uma nova caminhada será realizada ao Palácio dos Despachos, a partir das 14h. A concentração será no Parque da Sementeira.

NEGOCIAÇÕES
Neste intervalo de tempo dado pela categoria (desde a última assembleia que encerrou a greve, em 27 de agosto), o SINTRASE esteve em reunião com membros da Procuradoria Geral do Estado (PGE) para viabilizar o mais rápido possível a implantação do Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos (PCCV). A assessoria jurídica do SINTRASE também já peticionou o pedido de audiência de reconciliação, que visa o acordo pela implementação total do PCCV. O prazo para esta audiência ainda não foi divulgado.

Após o fim da greve, membros do sindicato também estiveram reunidos com representantes de secretarias estaduais, como o do Planejamento e Educação, para resolver as questões sobre cortes de pontos arbitrários de alguns servidores que aderiram à greve. A Justiça acatou a extinção do processo de greve, o que significa que este problema sobre os pontos da greve foi resolvido e finalizado.

comunicado_sintrase

Insalubridade: Sintrase e categoria iniciam pedido do adicional

Previous article

Governo apresenta orçamento de R$ 8,2 bi para 2016

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.