Últimas Notícias

Por não atender categoria e sindicato, servidores de Pinhão realizam protesto contra prefeitura no próximo dia 26

0

 

(atualizado: 13 de julho)

A equipe diretiva do SINTRASE realizou no final da tarde da terça, 4, uma assembleia com os servidores de Pinhão para esclarecer alguns pontos específicos com a categoria. Entre as reivindicações mais recorrentes estava a falta de espaço para dialogar com a prefeita, Ana Rosa dos Santos.

“Estamos no mês de julho e não conseguimos até agora manter uma relação amistosa com a gestora. Abrir e manter um canal de negociação tem sido uma tentativa contínua do SINTRASE, mas se nem nós, como entidade representativa dos servidores, obtivemos êxito, para a categoria tentar qualquer contato se torna então quase impossível”, afirmou o presidente do sindicato, Diego Araujo.

Diante da situação, ficou firmado entre os presentes que um ato de protesto está programado para o próximo dia 26. A manifestação acontecerá em frente à sede da prefeitura, a partir das 8h.

“Convocamos todos os servidores a marcar presença no ato para que possamos em conjunto pressionar a prefeitura. Precisamos do canal aberto para dialogar sobre as reivindicações, que chegam ao sindicato, mas que não conseguem ser apresentadas e discutidas com a prefeita”, disse o dirigente.

O ofício que notifica a prefeitura sobre o protesto foi encaminhado nesta quinta, 13. Participaram também da assembleia a diretora administrativa do SINTRASE, Elma Andrade, e o dirigente sindical de Nossa Senhora Aparecida, Adilson Santos.

Insalubridade – Na assembleia, a representante da subsede em Nossa Senhora das Dores, Marleide Vieira, que percorre há meses alguns locais da região para verificar condições de trabalho e estreitar o contato entre entidade e servidores, ressaltou outra cobrança recorrente da base municipal. “As merendeiras e executores de serviços básicos falam bastante sobre a questão da insalubridade, perguntam quando será resolvida e paga”, disse. De acordo com Diego, através do assessor do SINTRASE, Denis Arciere, que também esteve na assembleia para orientar a categoria, o sindicato já deu início à coleta de documentos e entrada das ações dos trabalhadores da rede municipal.

O servidor filiado que tiver interesse em requerer a insalubridade deve procurar o SINTRASE portando cópias e originais do RG, CPF e comprovante de residência, além da ficha financeira de 2011 a 2017, para assinar a procuração no sindicato.

 

Servidores encerram paralisação de 72h mas não descartam nova greve por tempo indeterminado

Previous article

Servidores estaduais fazem paralisação

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.