Sintrase apura denúncias de falta de materiais e problemas com refrigeração no Ceac

O SINTRASE apurou na última sexta, 12, uma denúncia feita pelos servidores do Centro de Atendimento ao Cidadão (Ceac) da Rodoviária Nova sobre a falta de materiais básicos e problemas com a refrigeração.

Pelo que foi constatado pelo sindicato durante a visita, há somente um ar condicionado em condições precárias (com remendos) funcionando no local, que não consegue dar conta dos setores do Centro. Segundo a dirigente sindical, Erika Leite, que esteve no Ceac e conversou com os servidores, há doze aparelhos novos que foram solicitados pela coordenadoria e que não estão sendo usados.

“A informação é que eles não foram colocados por haver incompatibilidade na estrutura do prédio junto à instalação dos aparelhos. Então, eles ficam ‘parados’, podendo contrair problemas com a falta de uso, enquanto essa dor de cabeça em relação à refrigeração persiste e incomoda trabalhadores e usuários”, afirmou a diretora. Para tentar amenizar o calor, os servidores se viram como podem, levando seus próprios ventiladores ou utilizando alguns emprestados.

A queixa dos trabalhadores ao SINTRASE também permeou a falta de material básico para desempenhar atividades. No setor da secretaria de segurança pública, por exemplo, que realiza a confecção dos documentos de identificação, “o lavabo está com poucas condições de uso porque entope e  faltam luvas e material básico para melhor higienização de quem vai fazer o RG”, disse Erika. “Os servidores pensam em até paralisar as atividades porque a situação está ficando insustentável”, declarou.

Uma reunião com a secretaria estadual do planejamento (Seplag) deve acontecer nos próximos dias para buscar soluções e otimizar o funcionamento no Ceac.

 

Deixe uma resposta

Nome *
Email *
Site